Esqueci teu nome!!




Foi estranho te buscar na memória...
Tu que por tanto tempo me preencheu.
Havia há pouco, as cicatrizes da nossa história,
A certeza que teu amor já não sou eu.

Deixei em minha saudade, tua lembrança acostumada,
Recordações que me tomavam de refém.
Aprisionavam minha esperança algemada,
A essa crença que sem você não sou ninguém.

Sangrei o peito no momento da partida,
Na despedida,  minha voz silenciou.
Teu frio golpe deixou minh’alma tão ferida,
Que parecia ser eterna aquela dor.

Mas o tempo, meu querido, a sua maneira...
Trouxe consigo uma verdade a me espantar:
Que ao final da dor cruel e derradeira,
Até teu nome, ele tratou de me levar.


Gil Façanha

Comentários

Mirian Marclay disse…
Nobre Poetisa Gil Façanha

Estou te seguindo pela minha conta do twitter.
Quero dizer que este poema tocou fundo na minha alma. Rendo-te letras.
Bjs
Mi
silvioafonso disse…
.


Ah, sim. Você, ainda me lembro.
Foi no ano em que se fez o meu
sorriso. Quando fui embora, pu-
xa, que alívio. Saí do purga-
tório direto ao paraíso. Des-
culpe, não tive como não ma-
goar você, mesmo não sendo es-
ta a minha intenção. Eu só
falei que a despedida foi pro-
veitosa para que sentisse a
tristeza que eu senti ao ouvir
você falar o que me disse. De
qualquer forma e de certa ma-
neira, foi triste aquele dia.
Sofrer o que ainda sofro me
faz pensar que vou sangrar em
quanto vida eu tiver, de noite,
de dia, a vida inteira. Não
quero as suas desculpas, mas o
meu coração reclama; refaça os
seus versos e grite que ainda
me ama. Diga a quem ouvir pos-
sa que você esqueceu as mágoas,
as noites tristes, vazias, mas
de uma coisa você se lembra; é
de como este homem se chama.

silvioafonso






.
Gil Façanha disse…
Muito bom Silvio Afonso!! rsrs... Legal ver o que fez. Essas duas poesias dariam um carta de amor, ou um belo conto...rs. Obrigada.
Luciana Saldanha disse…
Amada Poetisa Gil Façanha

Sou eu quem tenho a Honra de ter seus poemas que me encantam e poder ter a chance de compartilhar com meus amigos, que por lá vão.Obrigada mas muito obrigada.Esaiba que amo vir aqui também. bjs Lu
Sangrei o peito no momento da partida...Muito forte e magnifiqué. Saudades poetisa do amor!rsrs

Emanuel Carvalho

beijão

Postagens mais visitadas