Sejam bem vindos pra dentro de mim. Aqui, estou expondo emoções, revelando minha alma, compartilhando com carinho... Publicando sentimentos. (Gil Façanha)

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Fruto imortal



O poeta morre.... A poesia, jamais.
Primeiro fruto de um caso de amor entre as emoções e as letras.
Gil Façanha, gerando poesia em FAÇANHAS POÉTICAS. 

(Lançamento em breve)

Um comentário:

Anônimo disse...

Parabéns poetisa! A poesia do teu ser impressa no papel que os olhos vêem! Meu sempre carinho
Mirian Marclay

Search box

Related Posts with Thumbnails