Sejam bem vindos pra dentro de mim. Aqui, estou expondo emoções, revelando minha alma, compartilhando com carinho... Publicando sentimentos. (Gil Façanha)

terça-feira, 20 de março de 2012

Teu olhar oceano



Percebi no teu olhar, o grito de um amor velado.
Tantas coisas foram ditas, sem um som pronunciar.
Meu coração já tão sofrido, maltratado,
Mergulhou fundo em teu verde oceano a me inundar.

Naufragaram antigos medos, esqueci as cicatrizes.
Tuas águas tão profundas me arrastaram sem licença.
Teu farol a me guiar, me dando novas diretrizes,
Nunca senti dentro do peito, correnteza tão intensa.

Entreguei-me feito vela dominada pelo vento,
Embarcação sem direção, nem o leme é mais meu.
Por descobrir nosso caminho, estou sedento...
Qualquer receio, em teu sorriso, se perdeu.

Questiono-me em meu silêncio absorto,
Como pode tanta certeza se perder!
Sentia-me seguro ancorado em meu porto,
E agora meu desejo,  é estar à deriva em você.


Gil Façanha

Nenhum comentário:

Search box

Related Posts with Thumbnails