Sejam bem vindos pra dentro de mim. Aqui, estou expondo emoções, revelando minha alma, compartilhando com carinho... Publicando sentimentos. (Gil Façanha)

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015




Então é fato que esse mundo me limita. De outra forma, se assim não o fosse, o mundo me abandonaria.
O que faria eu de tanta solidão, se a dose máxima que suporto dela é meia casa vazia por um dia?

O que seria de mim e dos meus, se os pensamentos que povoam minha mente fossem expostos feito vômito da alma, que presa aos anseios da carne regurgita meias verdades e deglute ao menos uma vez por dia, algumas doses de falsidade santa? 


Gil Façanha

Nenhum comentário:

Search box

Related Posts with Thumbnails