NOSSA PAIXÃO é assim:


 Dueto (Gil Façanha / Denise Servegnini) e poesia subliminar de Denise Servegnini


TÃO desmedido sentimento nos une

INTENSO como a lava que se inflama

QUANTO querer! Uma palavra resume:

A MOR! Eis que sempre é viva chama!


LUZ candente que leva ao cume

DO nosso prazer lascivo na cama

SOL ardente tempera-se com ciúme

TÃO finito, que sentimento proclama


QUENTE magma borbota seu lume

COMO a fome de vulcão que emana

FOGO luxuriante, luz de vaga-lume

E, em nós, um orgasmo se dimana...


MEU ser se ativa e, então, te assume

CORPO encrespado, na busca profana

DERRETE entre pétalas em ardume...


FEITO cio abrasador, você se assanha

AÇO do deleite adquire em mim volume

NO embate da luxúria, você me arranha

CALOR carnal para que eu não desaprume


DOS en Uno, apaixonados, sem artimanha

TEUS abraços são como um laço de perfume

BRAÇOS meus te capturam em nova sanha...



GIL FAÇANHA

Denise Severgnini




Nossa paixão

Tão intenso quanto a luz do sol
Tão quente como fogo
E meu corpo derrete, feito aço no calor dos teus braços.



Gil Façanha

Comentários

Gil disse…
Denise, teu dueto não poderia ter descrito de maneira melhor , nem mais verdadeira, as minhas intenções diante do poema abaixo publicado. Agradeço-te pelo carinho e claro, pelo dueto tão bem vindo. Bjs e abraços poéticos.
Eu te encontrei aqui!Já estou te seguindo!obrigada pela publicação neste teu bonito espaço poético.Que bela música!bj d.

Postagens mais visitadas